recuperação das vendas perdidas na pandemia

O suporte de horários de funcionamento mais longos pode recuperar £ 27 bilhões de varejo perdido manter as vendas?

A concepção de que a nação está se abrindo novamente parece estar refletida no humor dos compradores. Por 2 … [+] semanas consecutivas, Springboard, o negócio de informações sobre pegadas do Reino Unido, declarou um aumento na variedade de americanos indo para as lojas do Reino Unido. A semana até 27 de março em relação à semana anterior viu um aumento de 6,6%, em parte como resultado de muitos britânicos se aventurarem em lojas de artigos domésticos para bricolagem e artigos para casa para renovar seus jardins antes da flexibilização das restrições de bloqueio do COVID-19.

NurPhoto por meio de fotos Getty
O sol está trazendo consigo maiores vislumbres de facilidade para algumas agências na Inglaterra hoje, à medida que as medidas de bloqueio existentes começam a diminuir. E diz-se que os clientes estão respondendo positivamente. O supermercado Sainsburys destacou para a BBC a notícia de que as pesquisas em sua página da web por determinados gadgets ornamentais aumentaram 977% e as cadeias de bricolagem relataram um aumento no interesse em torno de móveis de jardim, incluindo vendas de grades externas.

Este último coincide com alterações nas regras – já que a Páscoa pode ser uma experiência “externa” para muitas famílias, que estarão em condições de se reunir mais uma vez a partir de hoje – mas mais simples fora.

As ordens de permanência no domicílio estão sendo suspensas e reuniões socialmente distantes de negócios de até 6 pessoas, ou como duas famílias, são realmente permitidas. As atividades ao ar livre, como golfe, tênis e natação ao ar livre, podem recomeçar, juntamente com atividades ao ar livre organizadas. Os primeiros casamentos de 2021 podem, adicionalmente, ocorrer nas proximidades, com até 6 pessoas presentes.

Pode ser que ainda haja uma maneira demorada de seguir em frente, mas aqui está o segundo marco alcançado a tempo, seguindo o roteiro estabelecido pelo ministro Boris Johnson, do Reino Unido. As faculdades na Inglaterra retornaram deliberadamente em 8 de março e a maioria das escolas na Inglaterra já alcançou efetivamente três semanas de educação antes do início das viagens de férias para a duração da Páscoa.

O varejo não básico pode reabrir na Inglaterra a partir de 12 de abril, no mínimo, e as lojas devem receber a alternativa introduzida para estender o horário de funcionamento, a menos que 22h de segunda a sábado, ajudando a ter interação com os consumidores nos meses após o terceiro bloqueio por coronavírus . As medidas breves foram criadas para garantir que os clientes tenham maior flexibilidade na hora de comprar, permitindo que eles evitem os tempos de altura e aliviem as pressões no transporte.

além disso, cabeleireiros, barbeiros, salões de manicure e outros recursos de higiene pessoal e de cuidados privados poderão até reabrir. Pubs, restaurantes e bares ingleses podem ser aceitos para servir clientela valiosa novamente, porém apenas para serviço de balcão externo – e bebidas para viagem podem ser credenciadas.

A teoria de que o país está se abrindo novamente parece se refletir no humor dos clientes. Por duas semanas consecutivas, Springboard, o negócio de fatos de pegada do Reino Unido, pronunciou um aumento no número de pessoas que vão às lojas do Reino Unido. A semana até 27 de março versus a semana anterior viu um aumento de 6,6%, em parte por causa de muitos britânicos se aventurando de lojas domésticas para lojas de bricolage e utensílios domésticos para renovar seus jardins antes do afrouxamento das restrições de bloqueio COVID-19. A semana até 20 de março também teve alta de 0,5% na comparação com a semana anterior.

A Springboard também previu que o footfall aumentaria significativamente nos próximos 7 dias também, talvez por meio de 15% semana a semana, dado o relaxamento das restrições e a previsão de uma mini ‘onda de calor’ para um grande parte do Reino Unido.

À medida que os clientes começam a se interessar pela possibilidade de voltar às lojas e se envolver em atividades sociais ao ar livre recém-autorizadas, esses aumentos de passos podem continuar dentro do breve período de tempo. O horário estendido de abertura do varejo pode ser bem recebido com a ajuda dos compradores, logo mais uma vez (muitos clientes da Primark adotaram a busca noturna em varejistas selecionados em dezembro de 2020). Isso poderia ajudar os centros das cidades a começarem sua lenta experiência de cura, no entanto, como o British Retail Consortium estimou esta semana que os pontos de venda haviam negligenciado £ 27 bilhões de renda durante os três bloqueios, a jornada não é inegável.